Córrego Fundo alcança 13,38 pontos de ICMS Cultural 2021 junto ao IEPHA

O Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (IEPHA) de Minas Gerais, divulgou o resultado provisório do ICMS do Patrimônio Cultural, para ser executado no exercício 2023. Córrego Fundo alcançou a pontuação de 13,38 pontos que serão referência para repasse de ICMS para serem investidos em ações relacionadas à Cultura no município.

O ICMS Patrimônio Cultural é um programa estadual de incentivo à preservação do conjunto de bens materiais e imateriais, por meio de repasse de recursos para os municípios que preservam seu patrimônio e suas referências culturais através de políticas públicas relevantes.

Para a supervisora de Cultura e Turismo, Nilda Faria, a pontuação alcançada é um número significativo e que deverá reverter em importantes repasse de ICMS Cultural para a cidade. “Os valores que serão encaminhados para Córrego Fundo são destinados à aplicação também em ações de preservação ou desenvolvimento do patrimônio histórico e cultural. É uma forma de termos recursos para continuar fomentando ações de valor para nossa gente”.

O prefeito Danilo comentou que a alta pontuação foi motivo de bastante satisfação não somente pelo fato de receber o repasse de ICMS Cultural, mas também por ser um indicativo de que a Administração Municipal está investindo em Cultura, nos valores materiais e imateriais da cidade e da população.

%d blogueiros gostam disto: