História

 

A história de Córrego Fundo tem início com a fundação, em meados do século XVII, de um pequeno vilarejo que se expandiu e deu origem a uma cidade promissora que se destaca no Centro-Oeste de Minas Gerais. Situado às margens da Rodovia MG-050, à altura do quilômetro 212, o município foi emancipado em 21 de dezembro de 1995, após o plebiscito realizado em 23 de outubro do mesmo ano.

Conta a lenda que alguns tropeiros, que viajavam em direção à Serra da Canastra, acampavam próximo à um córrego, no interior de Minas Gerais, quando um deles se afogou. Segundo os relatos, nesta época, a cidade de Córrego Fundo limitava-se ao córrego, em cujas margens ficava uma casinha, ponto de referência e pernoite dos viajantes. No local, Domingos Antônio da Silveira fundou, em meados do século XVII, a Fazenda de Córrego Fundo. A partir daí, formou-se o povoado que deu origem ao município.

Córrego Fundo já pertenceu às cidades de Ouro Preto, São João del Rei, Tiradentes, Itapecerica e, por último, Formiga. Situado às margens da Rodovia MG-050, à altura do quilômetro 212.

A economia do município baseia-se, principalmente, na queima e beneficiamento da cal, sendo um dos principais polos no circuito da produção de cal, em Minas Gerais. Por essa razão, também é chamada a Cidade da Cal. Em segundo lugar vem a extração da pedra calcária, seguida da agropecuária, do comércio e prestação de serviços. O município também é destaque, atualmente, nos setores têxtil e artesanal.

Apesar de Córrego Fundo ser uma cidade essencialmente industrial, os outros setores ainda têm importância fundamental na geração de divisas do município. A industrialização, que ocorreu de forma revolucionária, está ligada aos outros segmentos, formando uma rede de serviços e rendimentos.

A cal, em seus diversos estágios, é transportada em imensos caminhões pelas ruas da cidade e do país, gerando trabalho. Da mesma forma, o comércio e outros tipos de prestação de serviços veem-se envolvidos neste processo. Dentre as associações que visam promover e solidificar a economia local estão a Microminas (Associação dos Mineradores do Centro Oeste de Minas) e a Cooprocal (Cooperativa dos Produtores de Cal em fornos semi-contínuos e semelhados).

Córrego Fundo se desenvolveu muito ao longo desses anos e tem muito a comemorar nesses 18 anos de emancipação.

Formação Administrativa

Foi criado o distrito, com a denominação de Córrego Fundo (ex-povoado), pela Lei Estadual 336, de 27 de dezembro de 1948, subordinado ao município de Formiga.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o distrito de Córrego Fundo, figura no município de Formiga, assim permanecendo em divisão territorial datada de 1993.

Após o plebiscito realizado em 23 de outubro de 1995, o distrito foi elevado à categoria de município com a denominação de Córrego Fundo, pela Lei Estadual 12.030, de 21 de dezembro de 1995, e desmembrado de Formiga.

Comemora-se o aniversário de Córrego Fundo aos 23 de outubro, data em que foi realizado o plebiscito que fundamentou a emancipação do distrito e elevação a município, instalado em 01 de janeiro de 1997.

Atualmente, o município tem 5.790 habitantes.

Fontes:

Site do IBGE – http://www.ibge.gov.br/cidadesat/link.php?codmun=311995

Site do Wikipédia – http://pt.wikipedia.org/wiki/C%C3%B3rrego_Fundo

 

 

 

 

 

%d blogueiros gostam disto: