Comitiva de Córrego Fundo participa de reunião no DEER sobre ocupação em transporte público

No dia 4 de maio, a procuradora do município, Deis Cristina Alves, juntamente ao supervisor especial de frotas, Geraldo Roberto da Costa, estiveram na sede do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DEER/MG) em Formiga para conversar a respeito da segurança de córrego-fundenses no uso do transporte público, diante o questionamento de cidadãos quanto ao excesso do número de passageiros em pé, em determinados horários de circulação. A reunião contou com representante da empresa prestadora do serviço de transporte na cidade, a Viação Campo Belo, e com equipe responsável pela fiscalização do DEER/Formiga.

Durante a reunião, a comitiva de Córrego Fundo apresentou as demandas dos usuários do serviço de transporte público e, na ocasião, receberam diversos esclarecimentos e busca por solução das questões. Atualmente, os ônibus de transporte público que circulam na cidade têm capacidade para 39 pessoas assentadas, com tolerância para dez pessoas de pé. Uma importante resposta para o problema apresentado foi a decisão para que será comprado um ônibus com 48 assentos. Além disso foi criado um novo horário de Formiga para Córrego Fundo às 16:45 horas e está pendente de autorização a criação de outro, saindo de Pains para Formiga, passando em Córrego Fundo às 7:40 horas.

Foi esclarecido também o que determina a Lei Estadual 13.174/1999, que, em seu artigo 2º, admite o transporte de passageiros em pé até o limite de um quarto da lotação nominal do veículo, quando se tratar de uma linha semi-urbana, que apresente intensa variação de demanda de passageiros ao longo do dia, como é o caso dos usuários de Córrego Fundo.

De acordo com a procuradora do município, a reunião foi bastante esclarecedora e, além de trazer soluções pontuais para as demandas da cidade, também foi positiva para estreitar os laços entre o município, o departamento estadual e as empresas prestadoras de serviço. “Um bom relacionamento entre estas instituições, possibilita a comunicação entre as partes, benéfica para todos os envolvidos”.

%d blogueiros gostam disto: