Córrego Fundo cria lei de incentivo à contratação de médicos

O prefeito de Córrego Fundo, Danilo Oliveira Campos sancionou, na tarde do dia 1º de junho a lei nº 785, que cria o benefício transitório aos médicos da Estratégia de Saúde da Família – ESF, que atuam na linha de frente do combate ao novo coronavírus, em Córrego Fundo.

O benefício, correspondente a 25% do salário base vigente, é destinado aos médicos do quadro de servidores do Sistema de Saúde do município e durará durante o tempo em que perdurar o estado de calamidade pública em razão da pandemia.

Conforme o prefeito, esta foi uma iniciativa da Administração para incentivar a contratação de médicos para Córrego Fundo. Segundo Danilo, desde o início do ano a Administração tem realizado processos seletivos tentando preencher as duas vagas de médico ESF existentes no município, sem sucesso. “Trazer médicos para Córrego Fundo tem sido um desafio, já que a remuneração oferecida pelo Plano de Cargos e Salários está muito abaixo do praticado no mercado, desestimulando os médicos a virem atuar na cidade”, explicou. “Temos tentado incentivar esses profissionais, já que sabemos da importância deles para que possamos atender nossa população da melhor forma possível, principalmente neste momento difícil da pandemia”, afirmou o prefeito.

Diante da justificativa da Administração, o projeto foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal.

%d blogueiros gostam disto: