NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Administração Municipal de Córrego Fundo, por meio da Secretaria de Saúde, vem a público esclarecer sobre a realização de velório de uma paciente com diagnóstico prévio de covid-19, na manhã desta terça-feira, dia 27 de abril de 2021.

Sobre os óbitos e velórios de pacientes em decorrência da covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde de Córrego Fundo esclarece:

– A Secretaria Municipal de Saúde de Córrego Fundo segue rigorosamente as orientações das Notas Técnicas, emitidas pela Secretaria de Saúde do Estado de Minas Gerais, bem como as orientações dos hospitais de origem dos pacientes com óbito confirmado ou suspeito por covid-19.

– Todos os casos de óbito são publicados no site e nas redes sociais oficiais do Município, após confirmação do hospital onde ocorreu no falecimento, mediante a D.O. (Declaração de Óbito).

– Obedecendo à normas dispostas na Nota Técnica nº 19/2020 emitida pela Secretaria de Estado de Saúde, a urna deve ser mantida fechada durante o funeral, no caso de óbito por covid-19, exceto nos casos em que o corpo estiver liberado mediante avaliação clínica do médico assistente e emissão de declaração.

– Ainda segundo a nota técnica, pessoas que tiveram diagnóstico prévio de covid-19, cumpriram o período de isolamento preconizado e foram liberadas pelo médico assistente ou equipe responsável em vigilância em saúde e que vieram a falecer por outras causas e ou complicações da COVID-19, caberá ao profissional médico avaliar quanto ao risco e medidas menos restritivas durante o velório.

– A paciente R.L.R.S, cujo óbito ocorreu nesta madrugada estava internada, na Santa Casa de Formiga, desde o dia 19 de abril, com diagnóstico de covid-19 e início dos sintomas no dia 03 de abril, um prazo de 24 dias até a data de hoje. Sendo assim, o laudo apresentado por profissional médico da Santa Casa de Formiga atestou que ela estava fora de risco de transmissão do vírus nesta data.

Por fim, a Secretaria de Saúde lembra que, qualquer que seja a causa da morte, todas as medidas sanitárias devem ser respeitadas durante velórios e sepultamentos e que a equipe de Vigilância Sanitária tem prestado todo o suporte e atenção aos familiares em razão dos óbitos ocorridos no município.

%d blogueiros gostam disto: