SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE ALERTA SOBRE A “VARICELA”

Em decorrência de caso apresentado no município seguem informações sobre a Varicela.

 O que é a varicela?

Catapora (varicela) é uma doença infecciosa, altamente contagiosa, mas geralmente benigna, causada pelo vírus Varicela-Zoster, que se manifesta com maior frequência em crianças e com incidência no fim do inverno e início da primavera.

A principal característica clínica é o polimorfismo das lesões cutâneas (na pele) que se apresentam nas diversas formas evolutivas (máculas, pápulas, vesículas, pústulas e crostas), acompanhadas de prurido (coceira). Em crianças, geralmente é benigna e autolimitada. Em adolescentes e adultos, em geral, o quadro clínico é mais exuberante.

Como é transmitida?

A catapora é facilmente transmitida para outras pessoas. O contágio acontece por meio do contato com o líquido da bolha ou pela tosse, espirro, saliva ou por objetos contaminados pelo vírus, ou seja, contato direto ou de secreções respiratórias. Indiretamente, é transmitida por meio de objetos contaminados com secreções de vesículas e membranas mucosas de pacientes infectados. Raramente, a catapora (varicela) é transmitida por meio de contato com lesões de pele.

Quais são os sinais e sintomas?

Os principais sinais e sintomas da doença são:

  • manchas vermelhas e bolhas no corpo;
  • mal estar;
  • cansaço;
  • dor de cabeça;
  • perda de apetite;
  • febre baixa.

Quais são as complicações?

As principais complicações da catapora, nos casos severos ou tratados inadequadamente, são:

  • encefalite;
  • pneumonia;
  • infecções na pele e ouvido.

A enfefalite é uma inflamação aguda no sistema nervoso central, que provoca a inflamação do cérebro. Se não for tratada, pode ser fatal. Afeta principalmente bebês, crianças e adultos com o sistema imunológico comprometido. Pessoas com catapora não devem ter contato com recém-nascidos, mulheres grávidas ou qualquer indivíduo que esteja com a imunidade baixa (como pessoas com aids ou que estejam realizando quimioterapia), já que a doença pode ser mais grave nestes grupos.

Formas de prevenção da catapora (varicela)

As principais medidas de prevenção e controle da catapora (varicela) são:

  • Vacinação;
  • Lavar as mãos após tocar nas lesões;
  • Isolamento: crianças com varicela não complicada só devem retornar à escola após todas as lesões terem evoluído para crostas;
  • Crianças imunodeprimidas ou que apresentam curso clínico prolongado só deverão retornar às atividades após o término da erupção vesicular;
  • Pacientes internados: isolamento de contato e respiratório até a fase de crosta;
  • Desinfecção: concorrente dos objetos contaminados com secreções nasofaríngeas.
  • Imunoprofilaxia em surtos de ambiente hospitalar.

 

FONTE: Ministério da Saúde

%d blogueiros gostam disto: