Córrego Fundo completa 23 anos e festeja com desfile cívico, apresentação cultural e shows

 
O município de Córrego Fundo completou 23 anos na última terça-feira, 23 de outubro. As festividades, realizadas pela Administração Municipal contou com desfile cívico, apresentação cultural e shows.
 
O evento que teve praça de alimentação, seguranças e a presença da polícia militar, iniciou por volta das 15 horas, na Praça Vigário João Ivo, continuando até a meia-noite. As comemorações contaram com a presença do Tiro de Guerra 04-030, com cerca de 60 atiradores, e da Apae, de Formiga, que participaram do desfile e receberam placa de homenagem pela prefeita Érica Leão e pela vice-prefeita, Jaine Rodrigues. “Infelizmente pelo momento financeiro difícil de falta de repasses para o município, a Administração Municipal realizou apenas um dia de festividade, dada à responsabilidade com os recursos públicos” esclareceu a prefeita Érica Leão.
 
Atrações
Após a abertura oficial pela prefeita Érica Leão, vice-prefeita Jaine Rodrigues, que subiram ao palco acompanhadas por secretários municipais e o vereador de Formiga, Cabo Cunha, foi a vez do hasteamento das bandeiras. A solenidade cívica foi realizada pelos representantes do Tiro de Guerra 04-030 de Formiga, Subtenente Gelson Rodrigues de Souza; Monitor Rafael de Oliveira Castro e pelo representante da Polícia Militar, Cabo Eduardo Júnio de Paula. O momento foi acompanhado pela sincronia do pelotão do TG 04-030.
 
O desfile cívico encantou com as apresentações que fizeram uma reflexão sobre a violência, tema infelizmente tratado com frequência pela mídia. Além do TG e sua fanfarra, participação que foi notícia no site do exército brasileiro, desfilou a equipe da Apae, alunos do Cemei, da Escola Municipal Tereza Maria de Faria Vaz; da Escola Municipal Rafael José Alves e a fanfarra da Escola Estadual Padre José Sangali. Também integraram o desfile, grupos dos projetos sociais atendidos pelas Secretarias, de Políticas Sociais e de Cultura, Esporte e Lazer.
 
Após o desfile, um teatro apresentado pela equipe do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) levou o público, mais uma vez, à reflexão sobre o tema violência, desta vez, a violência sexual contra as crianças e adolescentes.
 
Três shows fecharam a festa. Os artistas locais Bruno César e Henrique Cunha se apresentaram primeiro. Em seguida, a dupla Talis e Welinton animaram o público fechando com chave de ouro as festividades que receberam público de Córrego Fundo e de cidades vizinhas.
%d blogueiros gostam disto: