Município continua em alerta contra o Aedes aegypti

Ações constantes de combate ao mosquito Aedes Aegypti têm sido promovidas no município. Existe um intensa mobilização da Administração Municipal, envolvendo secretarias de Saúde e de Obras, no sentido de livrar o município de possíveis focos do mosquito transmissor das doenças dengue, chikungunya e zika vírus.

São contínuas as atividades de recolhimento de pneus e outros objetos que acumulam água e servem de criadouros do Aedes Aegypti.

A ação mais simples para prevenção da dengue, chikungunya e zika vírus é evitar o nascimento do mosquito Aedes Aegypti. Para isso, é preciso eliminar os lugares que eles escolhem para a reprodução. A regra básica é não deixar a água, principalmente limpa, parada em qualquer tipo de recipiente. A dica é manter recipientes, como caixas d’água, barris, tambores, tanques e cisternas, devidamente fechados, além de não deixar água parada em locais como: vidros, potes, pratos e vasos de plantas ou flores, garrafas, latas, pneus, panelas, calhas de telhados, bandejas, bacias, drenos de escoamento, canaletas, blocos de cimento, folhas de plantas, tocos e bambus, buracos de árvores, bem como de outros locais em que a água da chuva é coletada ou armazenada.

%d blogueiros gostam disto: