Prefeitura de Córrego Fundo promoverá mutirão de combate ao mosquito Aedes Aegypti

Serão recolhidos pneus e recipientes que possam acumular água. A ação faz parte do plano municipal de contingência para enfrentamento das doenças transmitidas pelo mosquito, bem como de prevenção das outras epidemias

Entre os dias 21 e 24 de dezembro (próxima semana), a Prefeitura de Córrego Fundo, através das Secretarias de Saúde e de Obras e Meio Ambiente promoverá um mutirão de combate ao mosquito Aedes Aegypti. A ação recolherá pneus e objetos que acumulam foco do mosquito transmissor das doenças Dengue, Chikungunya e Zika. Nos próximos dias, serão divulgados os horários da coleta pelo mutirão na cidade e nas comunidades rurais.

A ação é uma medida preventiva, diante do crescente número de casos das doenças no país e em razão do período chuvoso ser propício à propagação do mosquito. Segundo a coordenadora de Atenção Primária do município, Aline Cristina Miranda de Araújo, no dia 25 de novembro, foi confirmado um caso de Dengue na cidade e os cuidados serão intensificados neste período.

SERÃO RECOLHIDOS PNEUS E RECIPIENTES QUE POSSAM ACUMULAR ÁGUA. A ação faz parte do plano municipal de contingência para enfrentamento da doença na cidade, bem como de prevenção das outras epidemias.

De acordo com secretário de Saúde, Diequison da Cunha, é importante destacar que essa medida ajuda muito com a diminuição do risco de transmissão da doença. Segundo explicou, serão recolhidos todos os objetos que possam acumular água.

No dia 9 de dezembro, última quarta-feira, foi realizada uma reunião entre representantes da Secretaria de Saúde, de Obras, Meio Ambiente e também com os agentes de endemias do município para decidir sobre a realização do mutirão, explicou o secretário. “Precisamos contar com o apoio da população. O mutirão será realizado separadamente da coleta dos lixos úmido e seco. Se todos os córregofundenses verificarem seus quintais e lotes e encontrarem entulhos que acumulem água para o descarte adequado, a cidade estará muito mais protegida”, destacou.

Outras medidas

O secretário de Saúde apontou que este é o terceiro mutirão de limpeza para combate a Dengue realizado em 2015, sendo que os outros foram realizados em janeiro e julho deste ano. Além desta medida, em junho deste ano, foi iniciado o serviço de Bloqueio de transmissão (FUMACÊ) pelas ruas da cidade.

Desde o ano passado, a Rua do Chiba e Vargem Grande foram destacadas como ponto estratégico para combate ao foco da doença, contando com um agente de endemias exclusivo para a localidade.

Durante os últimos anos, foram feitas palestras periodicamente sobre o tema nas unidades de saúde e nas escolas, bem como, alertas à população através dos veículos de imprensa.

Prevenção e combate
A ação mais simples para prevenção da Dengue, Chikungunya e Zika é evitar o nascimento do mosquito que transmite as doenças. Para isso, é preciso eliminar os lugares que eles escolhem para a reprodução. A regra básica é não deixar a água, principalmente limpa, parada em qualquer tipo de recipiente.

A dica é manter recipientes, como caixas d’água, barris, tambores tanques e cisternas, devidamente fechados. E não deixar água parada em locais como: vidros, potes, pratos e vasos de plantas ou flores, garrafas, latas, pneus, panelas, calhas de telhados, bandejas, bacias, drenos de escoamento, canaletas, blocos de cimento, urnas de cemitério, folhas de plantas, tocos e bambus, buracos de árvores, além de outros locais em que a água da chuva é coletada ou armazenada.

 

%d blogueiros gostam disto: